sexta-feira, 3 de setembro de 2010

KIARA

Conto de Kiara
kiarajf@yahoo.com.br

gifs_sexo_123

Numa sexta-feira de minhas férias, meu primo ainda estava viajando e minha amiga Bianca me ligou dizendo:
- Kiara, os meus pais vão viajar e irão passar o final de semana em São Paulo, quer passar o sábado e domingo aqui comigo??,
Logo respondi:  - ?Quero sim, vai ser superlegal passar o tempo aí com você Bianca, hoje de tarde logo depois do almoço eu vou para aí!?,
Logo que cheguei, fui me instalando e passamos a tarde conversando e vendo TV, à noite ficamos planejando o que faríamos no sábado, se fizesse sol, uma piscina, senão um cinema ou um filme no vídeo, deixando à noite para uma danceteria.
A cama de Bianca tinha uma parte retrátil, de onde saía outra cama, que foi onde eu deitei, conversamos sobre besteiras, roupas, amigos, vestibular, até que chegamos aos assuntos sobre sexo, imediatamente lembrei da transa deliciosa que tivemos com o meu primo.
Bianca toda assanhada disse: -
Sabe o Roger, o meu novo namorado??,
respondi para ela: - Sei sim, vocês já estão transando??, Bianca respondeu: - Estamos sim, você precisa ver o cacete dele, é simplesmente delirante!?,
Ela foi me contando os detalhes sobre o seu novo namorado e comecei a perceber que aquilo mexia comigo, minha xoxota já estava ficando molhadinha.
Bianca então fez a revelação:  - O pau dele é simplesmente anormal, de dimensões cavalares, as nossas transas são sempre muito complicadas, ele só comeu uma vez o meu cuzinho e deixou ele todo arrombado, mas sabe que até que eu gostei muito!?, Enlouquecida pela minha imaginação, estiquei o braço e comecei a alisar a bundinha de Bianca, por cima do short macio que ela vestia,
Sua reação não poderia ser melhor, parou de falar e fechou os olhos, Bianca ficou de bruços, expondo sua bundinha redondinha e carnuda, enfiei a mão por dentro de seu short e iniciei uma massagem no seu cuzinho dizendo: - Nossa, como ele é gostosinho, é uma maldade maltratá-lo!?,
Sem lubrificar penetrei-a com o indicador, fazendo-a dar um gritinho abafado, foi quando tocou o interfone,
Para minha surpresa, era o tal Roger fazendo uma visitinha surpresa.
______

Enquanto os dois conversavam na sala, eu me masturbava deliciosamente no quarto, tentando diminuir o tesão da minha xoxota,
De vez em quando, levava os dedos à boca, provando do meu próprio gozo que saia da minha xoxota, o gostinho parecia especialmente saboroso naquele dia,
de tanto me masturbar, acabei gozando loucamente e refeita, percebi que já se passara uma hora e nada, procurei meu chinelo e fui até a sala, pensei comigo: ?
-Acho que os dois saíram para curtir a noite juntos!?, doce engano, havia apenas um abajur aceso, iluminando bem o rosto contraído de Roger, sentado no sofá com a calça entre as pernas,
Bianca estava à sua frente, agachada e começava a abaixar a cueca do seu gatinho, quando aquele cacete saiu da cueca, eu tive que me segurar para não gritar de susto, falei comigo mesma: - Nossa, que cacete enorme, é muito comprido e muito grosso, será que Bianca consegue engolir todo aquele cacete??,
Logo Bianca caiu de boca, atacando apenas a cabeçona inchada, eu salivava invejando minha amiga, com uma ferramenta luxuosa daquelas à disposição.
A boca delicada de Bianca se contorcia, tentando abocanhar o máximo possível daquele cacete gigante, que a cada pulsação parecia estar prestes a explodir,
Observei por uns dez minutos, admirando o habilidoso boquete e os gemidos de ambos, até que esbarrei numa cadeira e os dois ouviram,
Bianca levantou o rosto todo lambuzado e fez cara de surpresa, Roger tentou levantar a calça envergonhado e disse: - Você está com visitas? Quem é essa garota??, Bianca disse: -É uma amiga muito íntima que veio dormir aqui em casa neste final de semana, Prontamente eu disse: - Não se preocupem, podem continuar o que estavam fazendo, só vim beber uma água e já estou voltando para o quarto
Bianca então aprontou mais uma surpresa perguntando: Kiara, vem ficar aqui conosco ??,
Logo respondi louca de tesão: - Vou adorar ficar junto de vocês! ,
_________

Apesar da minha interrupção, o pau de Roger continuava duríssimo, brilhando sob a luz do abajur e a cada segundo mais apetitoso. Ele nos olhava surpreso, enquanto eu me sentava ao seu lado, chegando perto de Roger logo disse: ?- O seu cacete é bem crescidinho
Ele deu uma risadinha e eu logo disse:   - Posso pegar??, Acho que isso despertou seu desejo, pois ele respondeu na hora: - Se Bianca deixar, pode sim!?,
Logo Bianca disse: -Pode pegar Kiara,
Logo que minha amiga autorizou, segurei a rola com uma mão, que mal fechava ao seu redor, senti o calor que emanava daquele caralho, volumoso e ainda melado de cuspe e de suas próprias secreções, olhei para Bianca, que retribuía com cumplicidade, e caímos de boca no cacete de Roger.
Enquanto eu tentava colocar o cacete, ou parte, pelo menos na boca, Bianca acariciava o saco, dotado de bolas enormes,
Roger gemia e parecia tão excitado que o pau tremia dentro da minha boca, fiquei sentindo aquele colosso pulsar, anunciando um gozo espetacular, prendi-o com meus lábios e aguardei,
Bianca logo parou de lamber seus testículos e ficou observando e dizendo: - Hoje você vai saborear uma porra diferente, muito docinha e gostosa!?, 
E logo senti o primeiro jato, abundante e potente.
Atingiu direto a minha garganta, os seguintes molharam minha boquinha e a porra era tanta que escorreu pelos cantinhos da minha boca, minha garganta ardia com o esperma viscoso de Roger, o gosto era forte e saboroso, Nesse instante, Bianca segurou minha cabeça e me brindou com um beijo delicioso, recolhendo o que restara do sêmen de seu namorado e mostrando os encantos de ser amada por uma mulher,
Logo Bianca disse: - A sua boca está toda docinha da porra de meu gatinho , deu um sorrisinho e se deliciava com o gostinho doce de porra na boca. Bianca continuou me beijando e fazia aquilo com enorme perícia, ela mordia meus lábios, chupava minha língua, me enchia de tesão, De repente ela começou a descer, Roger nos observava, já envolvido por aquela atmosfera sexual, no meio da sala dos pais de Bianca,
Ela encontrou meus seios completamente inchados, meus mamilos duros e sensíveis e disse: -Que peitinho delicioso, vou saborear ele todinho!
O roçar de sua boca entreaberta me fez ver estrelas, minha xoxota totalmente encharcada suplicava por um carinho, mas Bianca se dedicava aos peitos, que mamava com certa violência, me fazendo gritar de prazer: 
- Bianca, que delicia, você chupa muito gostoso,
Eeu deitei no chão e ela continuou sua jornada, com destino certo, beijou minha barriga, minha virilha e finalmente minha bocetinha, toda lisinha e molhadinha de tesão, Bianca acariciou meu clitóris, com movimentos circulares de endoidecer, depois se ajeitou e posicionada, me colocou numa posição deliciosa,
Iamos fazer um 69, o cheirinho de sua bocetinha acendeu imediatamente um fogo em mim, eu queria ser delicada com minha amiga de tantos anos, mas não resisti, meti a língua naquela xoxota, recolhendo seus líquidos e provando do sabor daquela carne macia, Bianca fez o mesmo, o que quase me fez desfalecer, eu gozava em sua boca, que não parava um minuto de me sugar, sem conseguir mais me controlar,
_________

Virei o rosto e flagrei Roger batendo uma punheta, eu logo disse para Bianca: -Posso sentir aquele cacete delicioso na minha xoxota??,
Bianca respondeu: - Fica de quatro e com as pernas bem abertas,
Logo pude sentir sua língua quente tocando meu anelzinho, que se contraiu deliciosamente, Bianca percorreu toda a extensão, dos grandes lábios ao cuzinho, a sua saliva misturada aos meus líquidos proporcionavam sensações maravilhosas. Pronta para o pauzão de Roger implorei: -Deixa ele me foder agora...?,
Era a senha certa, Roger se postou atrás de mim e encostou seu cacete na minha xoxota, eu me movi para trás esfregando a entradinha na ponta daquela vara, estava quente como nunca, pedi novamente: -Mete gostoso em mim Roger
E  bem devagar o cacete de Roger foi invadindo a minha bocetinha, Bianca bem de perto, contava o que via, como se fosse uma narração, minha bocetinha apertava aquele caralhão, parecia não haver espaço para um fio de cabelo e Roger continuou forçando, conseguindo entalar pouco mais da metade do seu delicioso cacete, meus músculos se contraíam e eu mexia os quadris, tentando acomodá-lo melhor, tudo em vão, o bem-dotado iniciou as estocadas, me impedindo de pensar, eu mordia os lábios, excitadíssima, sentindo seu cacete pulsar na minha xoxota, dando a impressão de que ia estourá-la,
Eu estava sendo arregaçada pelo namorado de Bianca, a pica mais grossa da minha vida.
Para meu delírio, Roger não demonstrava sinal de cansaço e Bianca provava que amiga era, ela se esgueirou por baixo do meu corpo e voltou a chupar meus peitos, mamando devagar com sua boca carnuda e aconchegante, eu berrava sendo arrombada por Roger e excitada por Bianca, foram 15 ou 20 minutos de tesão puro, eu não conseguia dizer uma palavra, apenas grunhia, sentindo o pau ir e vir dentro de mim, se esfregando, forçando as paredes da minha bocetinha,
Vendo a demora de Roger em gozar, Bianca se moveu até a entrada da minha gruta, começou a lamber o caralho de seu namorado e em pouquíssimo tempo ele gozou, e que gozo delicioso, sua ejaculação parecia não ter fim, foram jatos fortes e fartos de porra inundando minha boceta, aliviando a ardência que já começava,
Roger perguntou: - Está sentindo a minha porra dentro da sua xoxota??,
Logo respondi para ele: - Estou sentindo ela todinha dentro de mim, minha xoxota está molhadinha com a sua porra!?,
A
os poucos ele foi tirando o cacete de dentro de mim e a porra começou a escorrer de dentro de minha boceta.
__________

Roger parecia um super-homem, seu pau não amoleceu, e Bianca não demorou a recebê-lo também, 
À distância pude ver como aquele homem era tesudo, na posição papai e mamãe, ele levava Bianca ao desespero, movendo seu cacete com intensidade e forçando com jeito,
Bianca gritou várias vezes que estava gozando e eu ficava feliz em ver seu prazer, já com muito tesão tomando conta do meu corpo, queria senti-lo novamente dentro de mim,
Roger estava fora de si e metia com vontade, quando Bianca anunciou mais um gozo, ele tirou o membro pulsante e pediu: - Bianca, quero comer bem gostoso o seu cuzinho,
Ela estava tão excitada que disse: -Come ele todinho, quero sentir a sua vara todinha dentro do meu cu!, apoiando o tronco no sofá, arrebitou a bundinha para o namorado, a visão era tão tesuda que até eu imaginei ser um homem para penetrá-la, Roger avançou com vontade e logo tinha feito a cabeça lustrosa do seu pau desaparecer no rabo de Bianca, ela berrava muito, e parecia estar alucinada de tesão e logo disse: - Come agora o cuzinho da Kiara, ela ta louca de tesão para dar o cuzinho para você!
Roger tirou o cacete de dentro do cuzinho da Bianca e perguntou: -Quer dar o seu cuzinho Kiara??,
Com cara de safada, disse:  - Quero sim e fique sabendo que eu adoro sexo anal??,
Eu estava de pé e Roger levantou para me agarrar, ele me abraçou, encostando seu pau na minha perna, nos beijamos ardentemente até que, descontrolada, me virei, apoiei as mãos na parede e levantei o meu bumbum, Roger meteu o caralho por baixo, encostando a ponta na minha xoxota, espalhando o melado até o cuzinho, depois segurou minha cintura e enfiou sem piedade, eu sentia cada centímetro da sua pica arrastando para dentro de mim, ele dizia:  - Kiara, como o seu cuzinho é delicioso e bem safadinho, ele já engoliu toda a minha pica!
Minhas pernas tremiam e meu rabinho pedia misericórdia, com muito esforço a vara entrou toda e Roger começou o vai e vem.
Apesar da dor inevitável, eu me desmanchava naquele pauzão, rebolava tentando encaixá- lo melhor e parava para senti-lo arrebentando minhas pregas,
Roger puxava-o até ficar só a pontinha e depois metia todo para dentro de novo, então ele me fez tirar as mãos da parede e me apertou contra seu corpo, parecia que ia me levantar com seu cacete comprido, duro feito pedra no meu cu, eu mantinha as pernas bem presas ao chão, para ajudar as estocadas vigorosas, de vez em quando, sentia seu saco encostar em mim, e gritava:  - Isso! Vai fundo, mete tudo no meu cuzinho, acaba comigo!?, Roger anunciou que ia gozar e Bianca pediu para ficar com sua porra, eu não podia negar nada depois dela ter dividido aquela maravilha comigo, sentei toda arreganhada no chão e vi Roger esporrar na cara de Bianca, lambuzando-a nas bochechas, lábios e queixo, o líquido espesso escorria devagar pelo pescoço dela, não agüentei e fui ajudá-la a se limpar, lambendo tudo que podia daquele néctar dos deuses,
Roger estava jogando num canto se recuperando.
____________

Dormimos os três juntos, mas no dia seguinte deixei os dois sozinhos, com o cu em chamas fui para casa lembrar do calibre daquele caralho.
Bom pessoal, foi assim que mais uma vez experimentei uma transa deliciosa com minha amiga Bianca, adorei saborear o cacete delicioso que o namorado dela tem, . Se alguma garota ou mulher quiser trocar experiências e saber mais sobre mim me escrevam e se tiver alguma garota que tenha também iniciado a sua vida sexual com o primo, adoraria trocar mails. Anotem o meu mail e me escrevam: kiarajf@yahoo.com.br - Beijos com carinho Kiara!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Conte sua fantasia